Nebulosa

A ficção científica e a fantasia vistas deste lado da periferia e suas memórias.

Cronica de Palmeirim de Inglaterra de Francisco de Moraes

Mais umas notas para uma possível ou talvez não, proto-história da ficção científica e fantasia portuguesa e também uma forma de “municiar” o Projecto Adamastor, para que este possa continuar a dar a conhecer e tornar acessíveis obras portuguesas.
http://purl.pt/14872/3/#/0
Aqui fica a
[Primeira [-segunda] parte de Palmeyrim de Inglaterra dirigida ao serenissimo principe Alberto, cardeal Archiduque de Austria… Chronica do famoso e muyto esforçado caualeyro Palmeyrim de Inglaterra, filho del Rey Dom Duardos no qual se contem suas proezas & de Floriano do Deserto su ermão & do Principe Florendos filho de Primalião / composta per Francisco de Moraes
e para as apanhar basta clicar na capa e assim acederao ficheiro guardado na
Biblioteca Nacional Digital
Aqui fica também o link
para a dissertação
“O amor nos livros de cavalarias – O Palmeirim de Inglaterra de Francisco de Moraes: 
edição e estudo”,
apresentada para a obtenção do grau de 
Doutor em Línguas e Literaturas Românicas,
especialidade de Literaturas Românicas Comparadas,
por Margarida Maria de Jesus Santos Alpalhão
Para complementar a informação sobre Francisco de Moraes, ver folhas 14 a 17, do

Diccionario bibliographico portuguez: A-Z – Tomo Terceiro – Innocencio Francisco da Silva

Anúncios

Novembro 21, 2013 Posted by | Francisco de Moraes, Palmeirim de Inglaterra, proto-história da fc e f portuguesa, Romances de cavalaria | 2 comentários