Nebulosa

A ficção científica e a fantasia vistas deste lado da periferia e suas memórias.

Hífen .1 (1987)

 
 
 
Anúncios

Novembro 27, 2012 Posted by | Albano Martins, Amadeu Baptista, Álvaro de Sousa Holstein, boletim, Carlos Alberto Braga, Eugénio de Andrade, Fernando Guimaraes, Hífen, Maria Isabel Barreno, Mário Cláudio, Natália Correia, Paulo Teixeira | Deixe um comentário

Romeu de Melo

prefácio e selecção de Romeu de Melo
Colecção Aventura Interior 4 e 5, Moraes, Dezembro 1978, 3000 ex.
 

 
Reedição de mais duas obras que saíram das mãos de Romeu de Melo e nas quais são publicados
três contos de autores portugueses:
Onde está Mr. Ross? e O factor Genético do antologiador e Os Filhos de Anaita de Natália Correia.

 

 

Março 20, 2012 Posted by | Antologia, ciencia ficción, fantascienza, ficção científica, Lisboa, Moraes Editores, Natália Correia, Portugal, Romeu de Melo, Science Fiction | 1 Comentário

15 Histórias de Ficção Científica – Antologia – Verbo (1982)

Textos e selecção de Bertrand Solet e Maria Adelaide Couto Viana, com ilustrações de François Batet e José Antunes e tradução de Rui Viana Pereira e Ricardo Alberty.

Não deixa de ser curioso que as ilustrações de José Antunes são de 1978.

Contos:

Ressurreição de um Coronel (L’Homme à l’oreille cassée), Edmond About
Uma fantasia do Doutor Oz, Jules Verne
Guerra Interplanetária, Luciano
Faça você mesmo, Bertrand Solet
Barbo, Natália Correia
Prisioneiro do «Épouvante» (extracto de Robur, o Conquistador), Jules Verne
O canhão monstruoso (extracto de Os Quinhentos Milhões de Bégum), Jules Verne
Uma história banal, Bertrand Solet
A chegada dos Marcianos (extracto de A Guerra dos Mundos), H. G. Wells
É preciso matar o Spoq, Christian Grenier
A caverna do fim do Mundo, Christian Grenier
O Nautilos (extracto de Vinte Mil Léguas Submarinas adaptação de  Maria Adelaide Couto Viana), Jules Verne
A mosca, Bertrand Solet
Um universo submarino, Christian Grenier
O socorro inesperado, Avram Davidson

Março 17, 2011 Posted by | Antologia, ciencia ficción, ficção científica, Natália Correia, Portugal, Science Fiction, Verbo | Deixe um comentário